Funcho

Estes funchos são do contra. Quando foram semeados, na Primavera passada, germinaram nem meia dúzia. Cresceu apenas um único exemplar que, provavelmente por ter sido negligenciado, não deu grande “bolbo”. No Verão foi cortado rente ao solo.
Hoje, quando fui com o Sr. Manuel dar uma volta à horta, deparo-me com estes três apetitosos rebentos, gordos e tenros, que cresceram da raíz deixada na terra.
No fim de semana, já salivo, vamos ter funcho salteado com limão e coentros.

Advertisements

2 responses to “Funcho”

  1. Ana Ramon says :

    Nunca comi o bolbo do funcho. Receio que tenha um gosto forte demais. Limito-me a usar a folha como tempero. Vou esperar que venha a tua receita. Sabes que me aconteceu o mesmo com as acelgas? Fiz uma plantação delas num sítio pouco frequentado por mim e por isso colhi umas quantas folhas na altura e nunca mais me lembrei delas. Esse terreno foi mais tarde usado na plantação de girassóis para guardar as sementes para as galinhas. Ontem quando ia ver se as tangerinas e as laranjas já estavam maduras, passei por esse campo e vi uma série de acelgas a rebentarem e outras enormes e já meias comidas pelas ovelhas. Adoro acelgas. Agora vou ter que as transplantar para dentro da horta que está cercada com rede ovelheira para não acontecerem essse azares :)

  2. Elisa says :

    aconteceu-me exactamente o mesmo. O ano passado semei um pacote de sementes inteiro e nada! Só um bolbo e este ano já lá tenho no mesmo lugar mais 3! Adoro funcho com peixe no forno!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: