A última abóbora

Depois de passar todo o Outono e Inverno lá fora, empoleirada no telhado da casa da caldeira, a abóbora, a última, deu sinal de que queria vir para dentro. Parte foi congelada, outra ficou no frigorífico, para uns projectos culinários mais imediatos. A Elsa vai fazer mais uma quantidade do seu doce, eu estou a pensar numa salada de abóbora assada e grão de bico e também numa sopa de sabor asiático, com leite de côco e caril.

Advertisements

7 responses to “A última abóbora”

  1. Bi says :

    Guarda um bocadinho dessa sopa no congelador para mim, p.f….para eu provar, mas pouquinho!

  2. Luciano says :

    Está prometido!

  3. Claudia says :

    Não pude deixar de notar nessas letrinhas que são música para os meus ouvidos: SMEG!
    De que cor é o vosso? Tenho um frigorífico comum, mas fico sempre a admirar os Smeg’s que existem numa loja aqui perto.
    A abóbora devia ser enorme.

  4. Luciano says :

    E sim, a abóbora era grandinha, quase com 40Kg.

  5. Claudia says :

    Que elegante!
    E essa abóbora era do Entroncamento.

Trackbacks / Pingbacks

  1. CRIMES E ESCAPADELAS » Ainda mais doce - 03/26/07

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: