Sementes

sementes de maracujás e uva-japonesa

O Filipe enviou-me pelo correio uma data de sementes. Eu tinha ficado curioso acerca da uva-japonesa () e ele foi tão simpático que me enviou sementes dela e ainda de uma série de maracujás (banana, açores, inglês e granadilha). Esta próxima Primavera promete e eu espero estar à altura: a minha taxa de sucesso com as sementes não é propriamente famosa.

A propósito de maracujás: não fui ainda ver de perto os que estão debaixo das tendas mas, pelo castanho generalizado que aparentam, receio que possa não ter sido ainda desta. Bolas.

6 responses to “Sementes”

  1. Diane says :

    Uva japonesa? É de mesa? Estou curiosa…

  2. bi says :

    Que bom, uma amostra do mundo nesse cantinho.Vamos aguardar e esperar que resulte!

  3. Luciano says :

    @Diane, também nunca as vi ao vivo mas o nome popular desta árvore no Brasil é talvez mais elucidativo: pauzinho-doce. Pelos vistos, o que se come não são os frutos propriamente ditos mas sim os pedúnculos. O Filipe tem um foto no Amador da Natureza.

  4. quintalBIOlógico says :

    Que sorte! A troca de sementes constitui-se como um gesto de fantástica partilha e generosidade! Parabéns.

  5. Ana ramon says :

    Aproveitei um bocadinho de tempo para espreitar as novidades neste teu cantinho (e já são tantas) e fui lendo os teus textos até que cheguei a este e acabei por sorrir. É que numa das minhas idas a Lisboa encontrei-me com o Filipe para trocarmos algumas plantinhas. Recebi então uma pequena arvorezinha dessas de uva japonesa. Como é de folha caduca e tem o caule lenhoso, resolvi plantá-la no meio da horta para quando crescesse proteger um pouco os mimos que ficam cozidos com tanto sol. Só depois é que fui ler os artigos que o Filipe escreveu sobre esta planta e ia tendo uma crise de nervos quando me apercebi que pode atingir os 30 metros de altura. Imaginas um gigante destes no meio da horta? E depois como posso chegar aos tais frutinhos ?
    Já está maior que eu, aguentou-se muito bem com o rigor deste Inverno mas ainda não deu frutos nenhuns.
    E vou continuar a ler o que tens publicado.
    Beijinhos

  6. Luciano says :

    @Ana, um portento destes no meio da horta não é bom de imaginar ;)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: