Desbaste do amial

roletes de amieiro

Depois de meses de ausência nas actividades da quinta, à conta de demasiado trabalho urgente em mãos, decidi, na esperança de manter alguma sanidade física e a boa forma mental, ou vice-versa, forçar-me a uma dieta de uma hora diária de exercício no exterior. Tal como cortar árvores.

o denso amial

O amial estava demasiado basto. A competição pela luz fez com que todas as árvores crescessem rapidamente, finas e altas. Além disso, no meio dos amieiros, outras espécies estavam já a ficar demasiado sombreadas, como uma olaia, um freixo e alguns salgueiros. Impunham-se portanto alguns cortes, e foi por aí que resolvi começar.

Anúncios

2 responses to “Desbaste do amial”

  1. Elsa Castelo says :

    A vida dos amieiros ainda palpita na bonita cor do interior destes troncos.

  2. bi says :

    Até nisto… o bem de uns …mal de outros, não devia ser assim, mas é!
    Pelo menos vai haver mais lenha para o inverno.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: