Alvão

fisga

“…que eu no monte é que estou bem!”

Demos uma saltada ao Alvão. A dada altura do passeio, junto à fisga do Ermelo, de novo o espírito de cabra se apoderou de mim e lá parti eu à desfilada, monte acima.
Resina. Lá no alto cheira a resina.

Mais fotografias aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: