Lufa lufa

Ainda não consegui arranjar uns minutos na nova rotina diária para registar o pouco que ainda vou conseguindo fazer aqui na Quinta. Em jeito telegráfico, registo a morte da gata (com pena, é certo, mas aliviado pelo facto do seu sofrimento provocado por uma insuficiência renal ter terminado); a limpeza com máquina de pressão das paredes exteriores da casa mais expostas à patine do tempo (de tão claras que ficaram as pedras das paredes que delimitam o pátio, a cozinha e sala ganharam uma luminosidade nova); início da re-pintura do amarelo das paredes exteriores; mudança de um monte de areia, sobras da empreitada de calcetamento do caminho, para uma caixa de madeira improvisada com madeira de paletes.

E sinto saudades deste verde que me rodeava durante todo o dia.

3 responses to “Lufa lufa”

  1. bi says :

    Ai verdinho, meu verdinho…esquecer-te não há maneira….
    O resto da letra não é para ti!!!
    Queres que te compre a tal peça que precisas para o “tal” que não me lembro o nome???

  2. Eugenia do Vale says :

    Olá Luciano! não há quem o veja por aqui!
    Então agora na primavera que é altura em tudo cresce depois de um inverno tão rigoroso, voce não nos dá noticias da sua quinta??
    Veja lá se aparece.
    Eugenia

  3. hpc says :

    Seja bem vindo!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: